sexta-feira, 30 de maio de 2008

Eco e boas notícias!

Estou muito feliz! Adorei fazer esta eco, até porque foi feita por uma ecografista obstetra, que viu tudo com os olhos de uma especialista!
O Tomás está, palavras da médica, "Um espectáculo!". É grandalhão, tem uma cabecinha grandita, umas bochechas rechonchudas, lábios carnudos (estava a fazer beicinho) e tem muito cabelo (sai à mãe)! Gostei tanto de o ver, não sabia que a esta altura já tinham tanto cabelinho. O coração está bem e todos os restantes órgãos também. Já pesa quase 2 kg., 1980 gr.
No início estava a esconder a carita com as mãos, mas depois desinibiu-se e lá nos deixou vê-lo.
A dada altura a médica perguntou-me de que cor eram os meus olhos, respondi-lhe que são esverdeados e depois ela disse que o cristalino era claro, o que pode significar, digo eu, que tenha olhos claros. Ambos os avós paterno e materno têm olhos azuis, logo pode ser que tenha olhos claros também. O que interessa é que veja bem!
Pelos traços faciais, ambos achámos que vai ser parecido comigo (acho que o pai ficou com ciúmes!!!), mas só quando nascer é que vamos ter uma percepção das semelhanças.
O melhor de tudo é que ELE JÁ DEU A VOLTA! Uff, cheia de sustos ando eu, ainda bem que está tudo a correr como deve de ser. Enterrei, assim, muitos macaquinhos que moravam no meu sótão.
No final, a médica disse-me que não comprasse roupa tamanho 0 (agora já está feito), porque ia ter um rapagão! Fiquei feliz! Não vejo a agora de o ter nos meus braços.
Quando chegámos a casa ainda ficámos mais felizes, porque a Maria da mamã Síliva já nasceu e que bela princesinha ela tem.
Muitos beijinhos e bom fim-de-semana

quinta-feira, 29 de maio de 2008

31 Semanas

Feto: os órgãos internos estão praticamente maduros faltando apenas o aparelho respiratório que ainda se aprimora. O bebé tem cerca de 41,5cm de altura e pesa em torno de 1600g. De acordo com seu crescimento, a quantidade de líquido amniótico diminui. A placenta tem um papel muito importante que é o de filtrar o sangue, evitando assim, a chegada de algumas doenças.
Gestante: aquela azia que você estava tendo há algumas semanas atrás pode piorar por conta do crescimento do bebé, que acaba ocupando quase todo o espaço do abdómen, tornando sua digestão mais lenta. Uma dica: ande um pouco depois das refeições para melhorar a sensação de mal-estar caso venha sentir. Talvez o papai apresente sintomas iguais aos seus: enjoos, desejos, cansaço, etc., ao mesmo tempo que outros podem ter uma reacção de afastamento por conta do ciúmes. Neste último caso, ele acredita que o filho tirou a disposição, a atenção, o carinho e o tempo que a mulher antes só era dele. Tenha paciência nestes momentos e tente integrá-lo em tudo que envolva você e o bebé.

domingo, 25 de maio de 2008

O enxoval está completo!


Com esta última aquisição demos o enxoval por completo! Já temos muita roupinha para os primeiros meses e a próxima que comprarmos será de Outono/ Inverno! Agora temos de tratar da mamã, pois ainda faltam umas coisinhas e dos últimos produtos de farmácia para o bebé!

quinta-feira, 22 de maio de 2008

A nossa casinha às 30 semanas


Temos andado assim, sempre a crescer!

30 Semanas

Feto: pesa em torno de 1.400g e mede aproximadamente 40cm. A sua respiração é ritmada e ele continua a engordar.
Gestante: aumentam as hipóteses de um trabalho de parto prematuro. Se não faz o curso para gestantes, peça ao seu médico dicas sobre massagens e exercícios que aliviam as cólicas do trabalho de parto. Preocupe-se com sua postura nesta fase, pois seus músculos das costas estão bastante frouxos e seu centro de gravidade mudou. Tenha cuidados especiais também na hora de levantar-se da cama: primeiro coloque os pés no chão, depois apoie-se no braço e levante-se com o auxílio da outra mão. Isso vai ajudar a não sobrecarregar sua coluna vertebral. É bom lembrar também que na hora de se abaixar, você só pode flexionar os joelhos. Seus alimentos diários neste período precisam ter bastante vitamina C, ácido fólico, ferro e cálcio. Se em sua casa tiver escadas, esqueça-as por alguns dias. Se o seu parto for cesária, é importante que após o nascimento do bebé tenha alguém sempre por perto para ajudar.

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Cansada, dorida e assustada


Pois é, com o aproximar do final da gravidez começaram a surgir os medos e a aumentar as maleitas.

Esta noite quase não dormi e o pouco tempo que consegui pregar o olho foi para ter um pesadelo, no qual me rebentaram as águas e eu nem sequer conseguia ligar à médica para saber o que fazer! Acordei aflita, a pensar que nada de mal poderá acontecer ao meu filho... não consegui dormir mais. Não tinha posição para estar na cama e, ao fim de 3 horas e de muitos movimentos à mistura, levantei-me e fui ver televisão para o sofá.

Até ao momento, raramente pensava no parto, mas agora não faço outra coisa. Tenho tanto medo...medo das complicações, das dores, de que algo não esteja bem com o bebé, de que não chore na hora do nascimento, etc, etc. Ando a ficar muito stressada! Se calhar ando assim porque ele ainda não a volta e andei a ler umas coisas sobre isso na net e fiquei assustada, pois pode ser indicador de problemas musculares e outros. Não deixei de pensar nisso! Sei que ele ainda pode dar, ou até é possível que, entretanto, tenha dado...não sei, ando stressada e ansiosa e não vejo a hora da próxima eco, que será no final da próxima semana.

O cansaço ainda tem agravado mais as minhas preocupações. Ontem, enquanto lia um texto à minha mãe, tinha de parar quase a cada palavra, pois não conseguia respirar! Já para não falar que o simples facto de lavar a louça do pequeno-almoço me deixa derreada! Não compreendo porque estou assim, fui sempre super activa e mulher de fazer "n" coisas ao mesmo tempo. Será que a gravidez consegue puxar assim tanto por mim? Agora pareço uma velhinha de 90 anos e estou seriamente preocupada. O que me vale é o auxílio do meu marido e dos meus pais, senão estava tramada!

A barriga também já começa a pesar, apesar de não ser muito grande para o tempo. O Tomás está grande e o espaço não deve ser muito lá dentro e, por isso, sinto muitas dores na zona do diafragma, como se tivesse pisado, e nas minhas costas, que jamais serão as mesmas, temo. Já para não falar que acordo com as mãos super inchadas e mal consigo dobrá-las! Depois, quando me levanto, passa.

Isto não só lamentações, são mais singularidades de uma mulher grávida à beira de ataque de nervos. Só quero que o tempo passe, para poder sair de casa, apanhar ar e ver-me livre desta fase! Não vou ser hipócrita e dizer que adoro estar grávida, só porque isso seria o mais natural a dizer. Claro que há coisas de que gosto em estar grávida, mas o balanço é mais negativo do que positivo...a coisa que mais quero é ser mãe e ter o meu bebé tão desejado nos braços, mas dispensava bem o cansaço, o peso, as noites mal dormidas, as dores, as preocupações, o stress desta condição. A única coisa que me dá ânimo é sentir o meu bebé mexer, todo animado, e saber que 80% do caminho já foi percorrido! Tudo valerá a pena, quando vir o meu filho pela primeira vez...

Beijinhos

domingo, 18 de maio de 2008

Desafio!

Vi este desafio no blog agarraavida e resolvi fazê-lo! Sempre gostei destas coisas quando andava na escola.
Aqui vai:
SE EU FOSSE 1 MÊS SERIA... Outubro
SE EU FOSSE 1 DIA DA SEMANA SERIA... domingo
SE EU FOSSE 1 PLANETA SERIA... Terra
SE EU FOSSE UMA DIRECçÃO SERIA... Norte
SE EU FOSSE 1 MÓVEL SERIA... um sofá
SE EU FOSSE 1 LÍQUIDO SERIA... Coca-cola
SE EU FOSSE 1 PECADO SERIA... A Gula
SE EU FOSSE UMA PEDRA SERIA... Safira
SE EU FOSSE 1 METAL SERIA... prata
SE EU FOSSE UMA ÁRVORE SERIA... cerejeira
SE EU FOSSE UMA FRUTA SERIA... uva
SE EU FOSSE UMA FLOR SERIA... girassol
SE EU FOSSE 1 CLIMA SERIA... frio
SE EU FOSSE 1 INSTRUMENTO MÚSICAL SERIA... violino
SE EU FOSSE 1 ELEMENTO SERIA... Água
SE EU FOSSE UMA COR SERIA... azul
SE EU FOSSE 1 ANIMAL SERIA... um golfinho
SE EU FOSSE 1 SOM SERIA... uma gargalhada
SE EU FOSSE UMA LETRA DE UMA MÚSICA SERIA... Black, dos Pearl Jam
SE EU FOSSE UMA CANçÃO SERIA... Here without you, 3 Doors Down
SE EU FOSSE 1 ESTILO DE MÚSICA SERIA... grunge
Se EU FOSSE UM PERFUME SERIA... Allure, Channel
SE EU FOSSE 1 SENTIMENTO SERIA... amor
SE EU FOSSE 1 LIVRO SERIA... Equador, de Miguel Sousa Tavares
SE EU FOSSE UMA COMIDA SERIA... bacalhau com natas
SE EU FOSSE 1 LUGAR (CIDADE) SERIA... Veneza
SE EU FOSSE 1 GOSTO SERIA... chocolate
SE EU FOSSE 1 CHEIRO SERIA... o do meu marido
SE EU FOSSE UMA PALAVRA SERIA... sonho
SE EU FOSSE 1 VERBO SERIA... amar
SE EU FOSSE 1 OBJECTO SERIA... um livro
SE EU FOSSE UMA ROUPA SERIA... o meu vestido de noiva
SE EU FOSSE UMA PARTE DO CORPO SERIA... o cérebro
SE EU FOSSE UMA EXPRESSÃO SERIA... um sorriso
SE EU FOSSE 1 DESENHO ANIMADO SERIA... a pequena sereia
SE EU FOSSE 1 FILME SERIA... Sleepers
SE EU FOSSE UMA FORMA GEOMÉTRICA SERIA... um círculo
SE EU FOSSE UMA ESTAçÃO SERIA... o Outono
SE EU FOSSE UMA FRASE SERIA... nenhuma, não acredito em frases feitas.

Quem quiser seguir o desafio está à vontade!
Beijinhos

quinta-feira, 15 de maio de 2008

29 Semanas

Feto: a principal actividade agora é acumular gordura para garantir energia após o nascimento. Os cabelos crescem nesta fase e ele tem cerca de 38,4cm de altura, pesando 1250g aproximadamente. Também abre e fecha os olhos quando quer e agora pode começar a ter alguns soluços.
Gestante: Quando ouvir experiências de outras mulheres que já têm filhos, antes de ficar a criar fantasmas na cabeça, procure o seu médico e esclareça as suas dúvidas. Tente anotá-las para não esquecer de nada na hora. Talvez você se sinta bem gordinha e note uma diferença grande nas suas roupas e sapatos antigos, mas não se preocupe. Estas mudanças são naturais no período de gestação. Após o nascimento do bebé as suas medidas tendem a voltar ao normal.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Que lindo!!!





E se de repente um desconhecido tocar à tua porta e te oferecer flores isso é... uma encomenda do teu marido. Tão querido que é o meu princípe, enviar-me assim um ramo tão lindo a casa!!! Gostei tanto!!!

Uma data muito especial!


Há 3 anos atrás dissemos "Sim"!
Foi um dia de conto de fadas, que recordo com muita saudade!

Adoro-te meu princípe encantado...espero que a felicidade que temos vivido nestes 3 anos de casamento se prolongue por toda a nossa vida. E agora a nossa vida em comum ficou ainda mais rica com a chegada do nosso Tomás, a nossa cerejinha em cima do bolo!

Um beijo muito grande

quinta-feira, 8 de maio de 2008

Mais uma consulta

Ontem, como já tinha aqui mencionado, foi dia de consulta!
Correu bem, depois do susto que tinha apanhado de manhã!
Chegámos cedo e lá continuei a ver grávidas e bebés por todo o lado. Estava lá uma bebé que não devia de ter mais de 15 dias, era tão pequenina e muito fofa! Não sabia chorar, parecia um gatinho a miar! Adorei as orelhinhas dela...um encanto. Só me causou uma certa impressão vê-la de casaco de lã, pois estava tanto calor lá dentro que eu, friorenta nata, só arfava. Não sei como a pequena aguentava, será que têm assim tanto frio?
Lá chegou a hora de entrar e vi porque a minha médica não atendia o telemóvel: estava preta de tão morena! Pesaram-me e... mais 1 quilo! Vá lá, não foi assim tão mau, tendo em conta que no mês passado forma 3,5...e já lá vão 7,5 desde o início! Tensões: 12-07, baixaram! Depois de algumas perguntas, lá fomos ver o meu colo e o Tomás! O toque custa-me sempre, parece que me vão esventrar, é horrível, se bem que desta vez me tenha doído menos do que da última. O Tomás está um rapagão: já dá mais 2 semanas de tempo! Ouvimos o coração (é sempre tão bom) e a médica disse que tinha muito líquido e muitos folículos para o alimentar! Bem alimentado ele deve andar, tendo em conta o que eu como! Estava em pé, a dar pontapés no colo da mãe, logo, ainda não deu a volta! A médica disse que muitos dão a volta na última da hora, mas lá para o início do oitavo mês ele deve dar! Se não der, tem mesmo de nascer de cesariana! A análise da urina também estava ok!
Depois das habituais recomendações de repouso, fomos marcar a próxima eco e análises e viemos embora mais relaxados. Ainda passámos numa Parafarmácia para comprar mais uma embalagem de Percutalfa e de Pregnacare! É uma renda, sem dúvida, pois não são comparticipados!
Agora estamos novamente a contar os dias para a eco! A cada dia que passa estamos mais perto de nos encontrarmos.

28 Semanas

Feto: está com os cabelos mais compridos e tem cerca de 37,1cm de altura e pesa em torno de 1100g. O cérebro tem um desenvolvimento destacado nestas últimas semanas. Estudos mostram que neste período os bebés começam a sonhar.
Gestante: você está a entrar no 7º mês de gravidez. O seu médico poderá querer fazer um toque vaginal, para verificar se o colo uterino não está com alguma dilatação, o que acarretaria uma ameaça de trabalho de parto prematuro. Se você trabalha, já cogitou a idéia da licença-maternidade na empresa? Você pode sair um mês antes do dia do parto. Tente repousar por estes últimos dias. Se por acaso sentir palpitações aceleradas ou suas contrações ultrapassarem 5 horas, procure seu médico urgente. Abandone qualquer tipo de trabalho que exija muito esforço físico, pois seu corpo já está sobrecarregado demais e seus ossos mais frágeis. E lembre-se: quando for arrumar o quartinho do bebé, peça ajuda a alguém. Falando nisso, o que você acha de começar a decorá-lo agora?

quarta-feira, 7 de maio de 2008

Uma manhã muito atribulada


Não ganhei para o susto!!!

Hoje o pai está de férias, pois logo vamos à consulta e aproveitou o dia para resolver alguns assuntos.

Levantei-me e fui para a casa-de-banho fazer a minha higiene diária. Quando vou pôr a minha toalha no cesto da roupa suja reparo num fiozinho de sangue e vou novamente a correr para a casa-de-banho com o coração nas mãos. Desço as cuequinhas e estavam cobertas de vermelho vivo. Chamei logo o meu marido e já não conseguia parar de chorar. Ele pedia-me calma, mas não conseguia mantê-la. O que estava a acontecer? Continuo a limpar-me e o sangue não parava...fui buscar um espelho e espreitei, não via nada de anormal. Entretanto, liguei à minha médica, enquanto me preparava para ir para o hospital ou para a clínica...telemóvel desligado! Uma obstetra devia ter sempre o telemóvel ligado, para acorrer a situações de emergência! Eu já não me aguentava de tanta aflição! Continuei a examinar-me, até que, de repente, reparo num sinal que tenho nos arredores da dita cuja e vi que estava a sangrar. Não sei como o sinal foi logo rebentar! Devo ter-me magoado com as minhas unhas ou algo do género! Continuei a chorar, mas desta vez de alívio.

Não ganhei mesmo para o susto! O que me valeu foi o meu marido estar em casa...é sempre tão querido...acalmou-me! Ele é mesmo o meu porto de abrigo.

Com esta situação percebi o quão valioso o meu filho é para mim...nem sei o que será de mim se algo lhe acontecer!

Ainda estou nervosa e não vejo a hora de chegar logo à consulta para vê-lo! Fez-me, contudo, bem este desabafo.
Mudando de assunto, ontem chegou a nossa caminha! Tão linda, muito mais gira do que no catálogo. Não montámos porque dizem que dá azar! Um dia destes mostramos aqui.
Beijinhos

sábado, 3 de maio de 2008

27 semanas e ... um barrigão!


Estamos assim, crescidos, crescidos!

O Tomás é muito activo, não pára nem um segundo, principalmente quando me vou deitar! Há dias filmei os movimentos da minha barriga para mais tarde recordar e mostrar-lhe os pontapés que dava à mãe!

Sei que ainda vou sentir a falta disso, mas não vejo a hora de me ver livre da barriga e de ter o meu pequeno nos braços! É que começa a pesar....

A gravidez tem coisas boas e coisas más, na minha perspectiva. Ainda que as coisas más sejam todas por uma boa causa. Assim:


As 5 piores coisas:


- Não poder comer tudo o que comia, por causa da toxoplasmose;

- As transformações do corpo, nada será como antes;

- As noites mal dormidas, sem ter uma posição confortável;

- Não poder estar enroscada no meu marido, porque simplesmente a barriga não deixa;

- As idas à balança...ai, que dor de alma!



As 5 melhores coisas:


- Sentir o meu pequeno a mexer, é muito bom apesar das dorezitas;

- Ver o sorriso das pessoas anónimas quando vou a algum lado, a olharem para a minha barriga;

- Comer os doces que quero, porque... "É o Tomás que pede.";

- Receber mimos de todos;

- Saber que todos os sustos e sofrimentos que passei vão trazer-me muita alegria brevemente.


Bom fim-de-semana.

quinta-feira, 1 de maio de 2008

27 Semanas

Feto: faltam apenas 13 semanas para o nascimento, mas se por ventura ocorrer um parto prematuro, seu bebé tem 85% de chance de sobreviver se estiver bem protegido por uma incubadora, pois nesta fase ele ainda tem pouco tecido adiposo. Tem 35,8cm de altura e pesa 1000g.
Gestante: a taxa de colesterol aumenta já que é necessário à produção de progesterona (um dos hormónios da gravidez). O seu bebé terá um desenvolvimento que exige que você cuide melhor da sua alimentação, ingerindo mais nutrientes. Seu médico talvez receite algum suplemento vitamínico, mas no caso de ocorrer obstipação intestinal (intestino preso) por conta do mesmo possuir muito ferro, avise-o imediatamente para que ele troque a medicação. Uma boa dica é comer três damascos secos por dia, incluir um pouco de azeite de oliva na sua dieta e deixar uma ameixa preta de molho em um copo com água por uma noite e depois fazer um suco com essa água, a ameixa e um mamão. Isso tudo auxilia o bom funcionamento do intestino. Talvez sua sexualidade fique um pouco comprometida nesta fase, pois seus seios estão muito pesados e produzindo colostro (Não sinto nada ainda!). Isto vai deixar seu corpo cheio de dores e provavelmente mais cansada que o normal (Isto é verdade!). Caso esta situação te incomode, converse bastante com seu companheiro para encontrar outras formas de carinho neste momento delicado. Mas lembre-se: o seu bebé está bem protegido pelo líquido amniótico.